Hotel produz comida no telhado e economiza mais de 30 mil dólares por ano.

The Fairmont Culinary Team

Quando o hotel Fairmont decidiu apostar na diferenciação ecológica de seus serviços, não estava brincando. Inaugurado em 1991, os 2.100m2 da laje de cobertura do 3º pavimento deram lugar ao primeiro telhado verde de Vancouver (Canadá), onde são cultivadas mais de 20 variedades de folhagens, ervas, temperos, hortaliças, frutas e flores comestíveis. Além de proporcionar espaço para mais de 10 espécies de aves que frequentam o local, o hotel tem o maior orgulho das 6 colméias de abelhas que produzem um mel de altíssima qualidade.

Hives - Anson Aguiree Firth left and Carrie McKellar right

O Chef Dana Hauser, que comanda a cozinha do hotel, cria pratos exclusivos com os produtos orgânicos colhidos diretamente do telhado. O mel é ainda usado em parceria com a Whistler Brewing Company, uma cervejaria local que produz a famosa ‘Stinger’ Honey Lager brew.

fairmontroof

Em 2014, o Fairmont hotel iniciou uma parceria com o projeto ‘Colméias para humanidade’ (Hives for Humanity),  incluindo o telhado verde do hotel no projeto ‘Corredores de Polinização’, que tem como objetivo preservar as populações de abelhas e seus serviços ambientais.

cn_image_2.size_.fairmont-waterfront-vancouver-vancouver-british-columbia-101467-3

Os hóspedes podem ainda escolher os quartos do terraço, com janelas que se abrem para o telhado verde, aproveitando todo sol e a vista do jardim.

e1b9b9a2-f806-43fa-be28-538443849bae

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s